Uma vida doada, tomada e partida

Desde o ventre da tua tu foste agraciado por Deus, para pertencer a ele e só Ele servir.

Muito menino, nas terras de Tavares, aconteceu um evento normal como acontece na vida de tantas outras pessoas, Deus se aproximou sutilmente e foi tomando parte das brincadeiras de criança do pequeno Sormani, foi modelando-o para colocá-lo nos caminhos do Reino da bondade, da ternura e da solidariedade…. o introduziu nas terras do Carmelo, onde desde criança nascera bebendo da fonte carmelita nas pegadas do Frei Alberto Carneiro Leão grande missionário do sertão nordestino, homem  que a seu modo revelava a grandeza de Deus no seu jeito simples de ser Padre Carmelita.

Esse menino nasceu e cresceu carmelita, passados alguns anos da sua vivência e experiência de Deus no Carmelo, o jovem Sormani José Barbosa, aos 22 de novembro de 1997, acolhia o ministério ordenado em sua cidade natal e hoje, após vinte anos celebramos com alegria esse momento que também é nosso.

Sua trajetória e marcada essencialmente pela simplicidade e capacidade de escuta, sensível às dores de cada irmão, recordo-me, quando formador do Postulantado em Petrolina nos idos anos de 2002 a 2004, uma suavidade e ternura tão grandiosa que encantava a todos. Capaz de capacitar os jovens que postulavam um projeto de vida, a fazer suas escolhas com liberdade, seu jeito pedagogo de ser, revelava sem dúvidas, o grande Formando e Formador, Jesus Cristo, como bem fala nosso querido irmão no Carmelo Frei Carlos Mesters no seu livro Jesus Formador.

Hoje, parabenizar esse grande irmão, é uma honra para todos nós que o conhecemos a que temos a graça de receber o bom odor de Cristo que exala do seu testemunho de pobreza e riqueza ao mesmo tempo.

 

Sormani, continue animado na missão de ser pastor e guia de muitos irmãos e irmãs que acorrem a ti, homem da reconciliação, pai da misericórdia, irmão de todos.

 

São vinte anos de vida doada, tomada e partida, eis o segredo de uma vida essencialmente eucarística!!!

 

Quanta bondade e ternura!!!

 

Frei Geraldo Bezerra de Sousa, OC

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.